Moacyr Luz & Samba do Trabalhador e Chico Alves - Sonho Estranho

Moacyr Luz & Samba do Trabalhador e Chico Alves - Sonho Estranho

Compre mais e ganhe descontos!

Marca: Moacyr Luz & Samba do Trabalhador e Chico AlvesModelo:Sonho Estranho Lançado em: 09/08/2019

- Somente nas Plataformas Digitais -

DESCRIÇÃO           

 

Moacyr Luz e Samba do Trabalhador lançam “Sonho Estranho”, canção inédita em parceria com Chico Alves.

         

          Moacyr Luz e Samba do Trabalhador lançam neste dia 09 de agosto o single “Sonho Estranho”, fruto da parceria entre Moacyr Luz e Chico Alves. Na canção que chega às plataformas digitais, Moacyr e o Samba do Trabalhador transformaram em versos e melodia o caldeirão de angústias e transformações políticas que o Brasil vive hoje.

         "Sonhei que despertei / E me dei conta que acordei / Noutro país / Onde as pessoas tinham balas de fuzis / E o povo andava sem razão pra ser feliz / Era um país fora da lei / Sem diretriz / Embarcação sem direção / Tentando em vão / Colher a paz plantando a guerra / Confesso que senti / Muita saudade do lugar onde aprendi"

          O single é o primeiro lançamento do grupo desde o álbum “Ao Vivo, no Bar Pirajá”, vencedor do Prêmio da Música Brasileira como melhor álbum de samba de 2018.

          Moacyr Luz fala sobre a inspiração e processo de criação da canção. “Já faz um tempo que observo preocupado a transformação das pessoas no Brasil. De gentis a hostis, de calmos a raivosos. Percebo que o país está mudando, especialmente nos posicionamentos políticos, embora respeite democraticamente todas as opiniões. Vejo uma ceifa passando por cima do pensamento cultural. O artista sendo patrulhado. Isso tudo vem martelando minha cabeça de compositor. Até que em uma noite, transformei este sentimento em samba. Convidei meu parceiro Chico Alves, que compartilha este sentimento de angústia com o Brasil atual, para fazer a letra. Esta é uma música para que as pessoas possam exorcizar um pouco tanto ódio, falta de solidariedade e intolerância. Acredito que boa parte das pessoas se reconheça nos versos e na melodia deste samba”, aposta o bamba.

          O compositor Chico Alves destaca sua imediata identificação com o tema. “Essa canção nasceu de uma vontade muito grande de falar sobre o tensionamento das relações humanas que vivemos nos últimos anos. A velha máxima de ‘Pátria amada, mãe gentil’ vem se deteriorando nos últimos anos. Até que num fim de domingo, meu parceiro Moa apresentou esta melodia. Imediatamente, ela deu vida a essa vontade de me expressar. Ao mostrar a melodia e compartilhar seu sentimento, percebi que era exatamente o que eu pensava. A partir deste momento, corri para casa com melodia martelando na cabeça, até que a canção surgiu. Estamos felizes com o resultado da canção. Espero que seja uma mensagem positiva para que a gente reflita sobre qual país queremos deixar para nossos filhos", explica o letrista.

 

FAIXA
 
SONHO ESTRANHO 
Intérprete: Moacyr Luz & Samba do Trabalhador e Chico Alves
Autoria: Moacyr Luz / Chico Alves
Editora: Luz Publishing (Sony/ATV) / Direto
Não há o produto físico, somente nas plataformas digitais

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

    Confira os produtos


    TOPO